0,00€
A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z
Manuel Baptista

Manuel Baptista nasce em Faro, em 1936. Participa pela primeira vez numa exposição colectiva em 1956, no Círculo Cultural do Algarve, Faro.

Em 1957 parte para Lisboa, onde frequenta o curso de Arquitectura na ESBAL (Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa), que mais tarde abandonará para se dedicar inteiramente à pintura. No mesmo ano realiza a sua primeira exposição individual, no Círculo Cultural do Algarve, Faro.

Em 1960 ilustra a capa para Cadernos do Meio Dia, Faro, n.° 5, Fevereiro, a primeira de uma longa série de arranjos gráficos. Conclui o Curso Complementar de Pintura na ESBAL, 1962, Nesse ano parte para Paris, como Bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian onde reside até 1963.

Em 1968 vive em Ravena, Itália, com uma Bolsa do Instituto de Alta Cultura. Foi Professor Assistente de Pintura na ESBAL entre 1964 e 1972. Realiza a sua primeira obra pública em 1971, a convite da Secção Portuguesa da AICA, integrando a renovação da decoração do café A Brasileira. Em 1972 executa um conjunto de painéis de madeira na dependência de Sacavém do Banco Nacional Ultramarino. Dois anos depois, 1974, participa na pintura colectiva comemorativa da Revolução de Abril realizada na Galeria de Arte Moderna, em Belém. Entre 1977 e 1980 desloca-se regularmente a Lippstadt e Schmallenberg, na República Federal da Alemanha, onde trabalha e realiza quatro tapeçarias para a Fábrica Falke (Imago).

Em 1988 apresenta a primeira retrospectiva de desenho e pintura (1956-1988), no Convento do Espírito Santo, Loulé. Realiza uma segunda retrospectiva de pintura (1963-1990) na SNBA (Sociedade Nacional de Belas-Artes), Lisboa. Finalmente, em 1996, na Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea, Almada, vê concretizada a sua primeira exposição antológica. No mesmo ano realiza os primeiros estudos para a intervenção plástica na estação Quinta das Conchas, Lumiar, Metropolitano de Lisboa.

Entre 1990 e 2003 assume a Direcção das Galerias Municipais de Faro (Trem e Arco).

 

Fotografia de F. C. Gundlach. 

 

 

 

Manuel Baptista was born in Faro, in 1936.

He exhibited his work for the first time at a group show in 1956, at Círculo Cultural do Algarve, Faro.

In 1957 he departed for Lisbon, where he attended the Architecture course at ESBAL (Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa), which he would later abandon to consecrate himself fully to painting. In the same year, he had his first solo show, also at Círculo Cultural do Algarve, Faro.

ln 1960 he did a cover illustration for issue 5 (February) of Cadernos do Meio Dia, Faro, the first in a long series of graphic jobs. He finished the Complementary Painting Course at ESBAL in 1962. In that same year, he left for Paris, where he would reside until 1963 as a Bursar of the Calouste Gulbenkian Foundation.

During 1968, he lived in Ravenna, ltaly thanks to a grant from Instituto de Alta Cultura. He was an Assistant Professor of Painting at ESBAL from 1964 to 1972. His first work of public art took place in 1971, when he was invited by the Portuguese Section of AICA to participate in the redecoration of the A Brasileira coffee house. In 1972, he created a set of wood panels for the Sacavém branch of Banco Nacional Ultramarino. Two years later, in 1974, he took part in the collective painting commemorating the April Revolution, held at Galeria de Arte Moderna, Belém. Between 1977 and 1980 he travelled regularly to Lippstadt and Schmallenberg, in the Federal Republic of Germany, where he worked and designed four tapestries for the Falke factory (Imago).

In 1988, he presented his first drawing and painting retrospective (1956-1988), at Espírito Santo Convent, Loulé. A second retrospective of painting (1963-1990) took place at SNBA (Sociedade Nacional de Belas-Artes), Lisboa.

Finally, in 1996, he managed to have his first anthological exhibition, held at Casa da Cerca – Centro de Arte Contemporânea, Almada. In that same year, he made the first sketches for his visual intervention at the Quinta das Conchas station, Lumiar, Metropolitano de Lisboa.

From 1990 and 2003, he directed the Faro Municipal Galleries (Trem and Arco).

 

ARTIGOS RELACIONADOS
 
  • 289 — Um Projecto de...
    PREÇO:
    28.00€
  • Sombras e Outras Cores
    PREÇO:
    30.00€
RECEBA AS NOVIDADES!
SUBSCREVA A NEWSLETTER E ESTEJA SEMPRE A PAR DE NOVIDADES E PROMOÇÕES
REDES SOCIAIS
© 2014. Sistema Solar. Todos os Direitos são reservados - Política de Privacidade | Livro de Reclamações Digital
design bin?rio